quarta-feira, 26 de novembro de 2014

A amante virgem - Kay Thorpe - Momentos íntimos 80


ELA QUERIA SEDUZIR AQUELE HOMEM... DE QUALQUER MANEIRA!

Erin desejou Nick Carson no momento em que o viu pela primeira vez. Sabia que ele também a queria, embora encarasse seus sentimentos como uma simples paixão passageira. Mas se quinze anos de diferença eram uma barreira intransponível para ele, Erin não pensava assim. Nick podia dizer que preferia mulheres mais velhas e experientes, mas ela estava disposta a fazer o que fosse preciso para conquistá-lo. Afinal, que dificuldade podia haver para seduzir o homem de seus sonhos?

Temas: Tutores, Mocinhos mais velhos, Mocinhas determinadas

Comentário - CONTÉM SPOILERS

Esse é o 3º livro da Kay Thorpe que leio essa semana e mais uma vez a mocinha deixou muito a desejar. Gente, o que tem essas mocinhas da Kay Thorpe? Preciso ler mais, pra ver se são todas assim.

O livro começou muito bem! Fiquei super empolgada no começo, achei a mocinha muito madura pra idade, responsável, etc. Mas não sei que bicho mordeu ela, que ficou histérica por causa do mocinho.

Nick Carson é um pintor de 34 anos rico e famoso, que descobre que o irmão recém-falecido deixou pra ele a guarda de sua filha de 14 anos. Ele não gostou da ideia de ser tutor de uma adolescente, mas foi buscá-la.

Quando chegou à casa, se deparou com uma bela jovem de 19 anos, Erin,  meia-irmã de sua sobrinha. Erin não tinha emprego, foi obrigada a largar os estudos pra cuidar da casa e da irmã, por isso Nick insiste que ela também vá pra casa dele.

A mocinha no começo é muito orgulhosa e tenta recusar qualquer ajuda do mocinho. Já sua irmã Samantha, sobrinha de Nick, adorou ter um tio rico. Há uma tensão sexual entre o Nick e Erin, porém ambos tentam reprimi-la, principalmente por causa da diferença da idade e do "quase" parentesco. Mas de uma hora pra outra, a mocinha fica doidona por ele, quer tê-lo a qualquer custo. Uma noite ela foi nadar nua e ele a encontrou na piscina, não suportando o desejo ambos se entregaram. Nick fica se culpando e diz que nunca se repetirá pois ela é nova e inocente.

Mas Erin não sabia ouvir não. Assim como a Claire do livro "A Sedutora", ela passou a perseguir o mocinho, falando que o desejava, que o amava e queria se casar com ele. Ele tentou evitá-la, disse não iam se casar, ele a desejava mas um relacionamento entre os dois estava fora de questão. Pra piorar, a amante dele havia voltado à cidade, era uma bela e sofisticada morena, Dione.

A mocinha faz uma verdadeira loucura e idiotice numa festa na casa de Dione. Ela inventou para o irmão da rival que ela e Nick iriam se casar, antes de a festa terminar todo mundo já estava sabendo. O mocinho ficou possesso, Dione ficou possessa. Mas ao invés de desmenti-la na frente de todos, ele entrou na farsa.

Eu achei ridículo a forma que mocinha forçou, acho que no fundo o Nick realmente queria, senão não teria entrado no fingimento, mas mesmo assim a atitude dela foi típica de vilã de novela. Mas há outro problema além do ciúme da mocinha, a irmã dela faz um verdadeiro inferno porque não concordava com o casamento, chegou até a inventar mentiras, das quais se arrependeu depois.

Eu comecei gostando da mocinha, mas da metade pro fim do livro pensei "Ela é louca?", parece até que trocou de personalidade! A mocinha série e madura do início virou uma descontrolada. O mocinho é ok. Não gostei nem um pouco da irmã pentelha da mocinha....nossa, menina interesseira e ingrata!

No fim, o casal se acerta, declara amor e a irmã aceita. O que salvou o livro foi epílogo super fofo.


BAIXA AQUI








A sedutora - Kay Thorpe - Bianca 95



O destino mudou inesperadamente a vida de Claire, quando ela foi forçada a partir para a Tanzânia, em uma viagem que lhe traria amargas surpresas. Rica, bonita e mimada, Claire conseguia tudo o que queria. Mas no calor da agreste paisagem da Tanzânia, ela se apaixonou por Rod Gilvray, um homem para o qual ela não passava de uma boneca de luxo, fútil e egoísta. Inconformada, Claire resolveu usar todas as armas para atraí-lo. Sabia que Rod a achava muito sensual, e já que nunca conquistaria o seu coração, pelo menos teria alguns momentos de prazer ao lado dele. Mas, valeria a pena? Depois que tudo acabasse sua vida não se transformaria num inferno de angústia e solidão?

Temas: Crise no casamento, Mocinha determinada

Comentário - CONTÉM SPOILERS

Criei muitas expectativas nesse livro, logo de início gostei do título e vi comentários positivos sobre a história. Mas entrou pra listinha de decepções! :(
Na minha opinião, o que estragou o livro foi a mocinha. Ela parece uma criança mimada que faz de tudo pra conseguir o que quer, foi o que aconteceu com o mocinho.

Rod Gilvray é um renomado engenheiro empregado do pai de Claire. Se conheceram quando ele foi jantar na casa dela, logo Rod percebeu que ela queria fazer um joguinho de sedução com ele, mas ele tratou-a friamente, pra raiva dela. Dias depois ele foi ao projeto de construção do pai dela na África.

A dondoca não tinha nada pra fazer, não queria estudar nem trabalhar então pensou "Vou aceitar o pedido de casamento de Peter pra sair desse tédio". Aí já se vê o caráter da garota, né?

O pai dela foi contra  o casamento e bolou um plano pra dar uma lição nela. Fez ela ir até a Construção na África e lá deveria cozinhar para os trabalhadores e viver sem luxo. E delegou a Rod cuidar dela. No início ele ficou com raiva, mas depois achou bem feito pra ela. Ela entrou no ritmo e trabalhou duro, apesar de fazer uns escândalos no começo. Percebeu que Rod estava atraído por ela e com ciúmes, os dois trocaram beijos E DE UMA HORA PRA OUTRA ela diz que quer fazer amor com ele, quer se casar e que o ama.

Como ele sabia o quanto ela era mimada, deu um fora e a mandou de volta pra Inglaterra. Ela foi, mas disse que ele não ia escapar. Pois bem, depois de um tempo ele volta pra Inglaterra também, mas não a procura. Ela faz o pai convidá-lo pra uma recepção em sua casa. Ele foi, mas levou uma loira linda consigo. Nessa hora até me deu uma dó da mocinha, mas ela nem se abalou pela presença da outra. De madrugada foi ao quarto de Rod, se confessou, se ofereceu e ficou implorando pra ele casar com ela. Ele aceitou.

Pra mim, o título do livro não deveria ser  'A sedutora', mas sim "A mimada", "A insistente" ou "A oferecida", porque sedução envolve sutilidade e ela não foi nada sutil! Se ofereceu, não deixou o cara em paz, disse que se casassem seria a esposa perfeita, blablabla. Nossa, achei ridícula a atitude dela! Ela simplesmente perseguiu sem descanso.

Rod aceitou casar na esperança que ela tivesse amadurecido. Mas não foi bem assim. A atitude dela continuou ridícula após o casamento. Fez amizade com uma mulher casada que adorava beber e fica estimulando ela beber também. Depois Rod contou que essa "amiga" tentou seduzi-lo, mesmo assim ela prefere acreditar que era mentira dele!! Aí o casamento desandou: ela brigava porque ele trabalhava demais (e ela já sabia disso antes de casar), qualquer briguinha ela ia dormir em outro quarto e ainda continuou vendo a tal "amiga". Fala sério, que homem aguentaria isso? Enfim, foi uma briga atrás da outra até que eles concordam que seria melhor ela ficar um tempo na casa do pai. 

Mas o pai dela estava sabendo das brigas e resolveu dar uma 2ª lição nela, falou que Rod havia se acidentado no serviço. Ela ficou desesperada aí os dois se reconciliaram.

Muitas meninas gostaram desse livro, mas pelas razões que já falei, eu não gostei, detestei a mocinha. Depois de ter lido centenas de romances,  pela primeira vez eu não senti firmeza no relacionamento de um casal, eu não senti um pingo de amor entre eles. Eu tenho a impressão que o mocinho só aceitou porque: 1º não aguentou tanta insistência, 2º porque ela era bonita e 3º acho que o fato de ser filha do patrão ajudou. Enfim, ele uniu o útil ao agradável. O mocinho também está longe de ser santo. Após o casamento a mocinha pediu pra trabalhar, mas ele não permitiu. 


Na minha opinião, o que salvaria esse livro de ser péssimo, seria um bom epílogo, pra vermos se a mocinha amadureceu mesmo e o casamento deu certo.

E vocês o que acharam? Gostaram da mocinha? Acham que tem amor entre o casal?


BAIXA AQUI


Paixão na Espanha - Kay Thorpe - Julia 782


Sob o sol da Espanha, o amor renasce no coração de Lauren!
A visita de Lauren à Espanha tinha um único objetivo: apresentar os filhos gêmeos aos pais de seu falecido marido. Porém, ao chegar, uma surpresa a aguardava! Rafael de Quiros queria que os filhos de seu irmão fossem criados no castelo da família como legítimos herdeiros. E não era só isso! Queria que Lauren se tornasse sua esposa.

Rafael tinha poder e habilidade para excitar os sentidos de Lauren. Ela nunca se sentira tão frágil... e tão determinada a resistir!

Temas: Casamento de Conveniência/Forçado, Mocinhos Espanhóis, Cunhados

Comentário - CONTÉM SPOILERS

O resumo desse livro está bem explicativo, mas só pra entrar em mais detalhes: Lauren se casou aos 19 anos com o irmão de Rafael, mas foi muito infeliz porque ele era mulherengo e nunca contou à família sobre ela. Ele morreu quando os gêmeos tinham 4 anos e a família Quiros finalmente ficou sabendo da existência deles e solicitou que fossem à à Espanha.
Quando conheceu o cunhado, Lauren ficou intimidada e uma antipatia surgiu, não sei porquê pois ele a tratou bem. Não demorou pra ele propor casamento: ou casavam ou ela teria que voltar pra Inglaterra deixando os gêmeos com ele. É claro que ela escolheu a 1º opção. 
Eu achei a mocinha meio chata e arrogante, mas uma coisa que gostei é que eles fazem amor com entrega total. Nos livros sobre casamento de conveniência, geralmente a mocinha impõe não dormir junto, nem consumar o casamento, mas nesse livro, quando a mocinha disse que não ia rolar entre eles, Rafael a seduziu e ela correspondeu totalmente, depois disso os dois sempre faziam amor sem a mocinha reclamar, aliás, ela queria.
Como sempre, não poderia faltar uma rival bonitona e sensual. Lauren fica se martirizando por causa dela, sofrendo, e o mocinho deixa ela acreditar que os dois eram amantes até no finalzinho da história.
É um livro bom, mas nada sensacional. É do tipo que eu não releria.

BAIXA AQUI


terça-feira, 25 de novembro de 2014

Os Riscos da Paixão - Debbie Macomber - Sabrina 89 - Série Hard Luck 2


Charles O´Halloran: É cético quanto ao casamento e abomina tudo o que diz respeito a Catherine Harmon Fletcher, a mulher que fez de tudo para destruir o casamento de seus pais.

Lanni Caldwell: É a única mulher que fez estremecer as sólidas estruturas de Charles, a única que poderia convencê-lo a aceitar os riscos de um casamento. Conheceu Charles ao visitar Hard Luck para tratar de um assunto familiar. Mas há algo que ela não revelou a Charles e nem sabe se vai revelar... É neta de Catherine!

TEMAS: Ciumentos - Possessivos e Dominadores, Mocinha determinada, Mocinho mais velho

Comentário - CONTÉM SPOILERS

Ahhhh adorei esse livrinho!! Ele é o segundo livro da série Hard Luck, esse fala do irmão mais velho Charles O'Halloran. Achei curioso que é esse 6º livro que leio cuja história se passa no Alasca, não foi intencional, foi coincidência mesmo rsrsrs.

Hard Luck é uma cidadezinha do Alasca que sofre escassez de mulheres. Os irmãos Sawyer (do 1º livro) e Christian O'Halloran fazem uma campanha pra empregar mulheres de fora. Charles é o solteirão convicto de 35 anos que não acredita em casamento e acha ridícula a atitude dos irmãos. Ele pretendia ficar bem longe dessa mulherada.

Chega na cidade uma linda mulher que deixa os homens alvoroçados, Lanni Caldwell. Porém, ela não foi pra trabalhar, foi apenas pra desocupar a casa da avó e alugá-la para as mulheres que chegariam na cidade. No primeiro momento, Sawyer a confundiu com a moça que viria pra trabalhar como secretária, mas ela esclareceu que estava apenas de passagem pra desocupar a casa de sua avó, Catherine Fletcher. Ela também ia aproveitar sua curta estadia na cidade para descobrir por que a família O'Halloran odiava tanto sua avó Catherine.

Ela se ofereceu pra ajudar Sawyer no escritório, assim ficaria mais fácil descobrir os segredos do passado.

Charles ficou logo sabendo da chegada da nova mulher e queria se mantar bem distante dela. Quando a viu, ficou impressionado, mesmo assim decidiu ficar longe, até porque ela era muito mais nova que ele. Mas todo o controle foi por água a baixo quando ele vê outro homem flertando com ela. Ele se sentiu com raiva, ciúme e não conseguia esconder o interesse.

Os dois passaram a sair, mas Lanni omitiu o fato de ser neta de Catherine Fletcher e Sawyer de propósito também não contou para Charles. Já dá pra imaginar o que acontece, né? Depois de compartilhar bons momentos e declarações de amor, ele descobre a verdade e fica furioso. Decidiu terminar tudo com ela pra não magoar a mãe, já que avó dela foi amante do pai dele.

Os dois ficam longe um do outro, se amando muito, mas o passado impedia. Até que a própria mãe dele esclarece que no passado todos tiveram culpa, não só a avó de Lanni, e que eles não deveriam se condenar à infelicidade. A história das duas famílias é de partir o coração, dá pra entender por que não se gostavam, por isso o romance entre o casal é até emocionante visto que redimiu os erros das duas famílias.

Bem, a história é meiga, a mocinha é adorável: madura, determinada, sincera. Eu me apaixonei pelo mocinho, adorei que no início ele é tão contra o amor, mas quando vê a mocinha cai de quatro e não consegue esconder os sentimentos. Ele é muito apaixonado e muito ciumento também.
Só tem uma coisinha que me incomodou: ele foi muito cabeça-dura quando descobriu a verdade. Afinal, nenhum dos dois tinha culpa pelo que seus pais e avós fizeram. A mocinha foi super corajosa no final, deixou tudo na sua cidade, família, uma carreira promissora, pra se mudar pro fim do mundo atrás dele. Eu queria ter visto mais esforço da parte dele. Fora esse detalhe, amei a história! Leve, romântica, fofa...do jeitinho que gosto.

Agora fiquei curiosa pra ler os outros livros da série Hard Luck, principalmente o livro 1 que traz a história do Sawyer e da Abbey. Eu adorei o Sawyer!

BAIXA AQUI


segunda-feira, 24 de novembro de 2014

O noivo trocado - Julianna Morris - Sabrina 1162



Desde o momento em que desembarcou do avião para os braços de Donovan Masters, Jodie Richards soube que aquele homem cujo toque lhe provocava sensações abrasadoras seria o marido perfeito para ela. Logo, porém, descobriu que Donovan não era o homem de quem iria se tornar esposa num casamento arranjado por correspondência, mas sim o irmão de seu noivo!

Donovan deveria ter resistido ao acolhedor abraço de Jodie, mas, deixando-se levar por um sonho que achou estranhamente envolvente, aquele solteiro convicto viu-se dividido entre o dever para com seu irmão irresponsável... e o desejo de seu coração!

Tema: Comprometido com outro, Cunhados

Comentário - CONTÉM SPOILERS

Ufaa! Depois de ler tanto livro hot em sequência, voltei aos meigos que adoro!! 

Jodie é uma viúva de 29 anos que tem 2 filhos; Tadd de 8 e Penny de 2. Ela se tornou noiva por correspondência de um amigo do irmão, Cole Masters que morava no Alasca.
Ela foi ao Alasca junto com os filhos no intuito de conhecer pessoalmente Cole e sua família. Quando chega no aeroporto, se depara com um homem alto, moreno, que parecia mais maduro e mais velho que Cole, mas ela achava que era o noivo. Por isso deu um beijo. Logo depois descobriu que ele era Donovan, seu cunhado.
Cole havia ido para uma excursão de alpinismo e ficaria fora por umas semanas. Jodie ficou muito chateada, pois seu marido era piloto e morreu pilotando, por isso ela queria se relacionar com homens tranquilos que não vivessem se arriscando.
Desde o primeiro beijo no aeroporto, havia uma tensão entre Jodie e Donovan. Ele era solteiro convicto e fugia de casamento, mas não podia negar o sentimento profundo pela cunhada; ao mesmo tempo que sentia ciúmes do irmão, sentia culpa por estar desejando ela. Aos poucos Jodie percebe que não pode se casar com Cole, após ter conhecido seu irmão. Mas também reconhecia que não podia ter nada sério com Donovan, pois ele era avesso a casamento e porque ele era dono de táxi aéreo, ou seja, pilotava.
Tive um pouco de raiva dele por ser tão cabeça-dura quanto a relacionamentos sérios e casamento, como sempre a atitude do mocinho está relacionada ao passado, ele era assim devido ao casamento de sua mãe com o seu pai, que foi um desastre. Mas aí ele começa a observar a felicidade de seus amigos casados e da sua mãe com o segundo marido e percebe que também queria uma esposa e filhos para si. Já a mocinha é super madura e determinada.

Tudo se resolve entre eles e a história tem um epílogo fofo. Enfim, é um livro meigo, gostoso de ler, com um casal teimoso e crianças muito fofas.

                                                        BAIXA AQUI


LIVRO HOT - Série Weremindful 4 - A Caçada (Castalia Cabott)

Atenção: LIVRO HOT (esse livro contém cenas de sexo explícita, apelativas. Se não gosta, não leia o post.)




Resumo
Quando alguém sequestra a neta de um bom amigo, Hank Herickson oferece a sua ajuda. Seu plano é simples. Afastar seu amigo do perigo, resgatar sua neta e deixá-la a cargo de seu amigo Chipp Rummers. Mas às vezes os planos se complicam, principalmente se um Weremindful se apaixona. O lobo está em caça e ao que parece sua presa era Cassie.
Cassidy Thunderwhite é professora na Reserva de Blackfoot. Quando não aceita vender suas terras é raptada. Jamais imaginou que um lobo viria por ela e que viria decidido a governar a sua vida. E isso ela não iria permitir.
Mas não é o único, alguém mais esta caçando Cassie e Hank terá que defendê-la.

Temas: HOT, Sobrenatural

Nem vou fazer muitos comentários sobre esse livro, pois ele é muito parecido com os outros da série. Dos 4 livros da série Weremindful que li, esse é o piorzinho.
Os livros da série são tão parecidos que acabam decepcionando. Assim como nas outras histórias, esse casal se conheceu numa situação de perigo. Cassie é de origem indígena e foi sequestrada, seu avô pediu ajuda de Hank Herikson, pois era o melhor caçador que ele conhecia, graças as características de lobo...olfato apurado.
Também igual aos outros livros, o mocinho se depara pela primeira vez com a mocinha enquanto ela dormia e ele a beija, despertando seu lado lobo. A diferença é que enquanto nos outros livros as mocinhas chegavam a ser atiradas logo de cara, nesse Cassie não quer nada com Hank, ainda mais quando descobre que ele é lobo. Sendo assim, demora muito pra ela se apaixonar. 

Esse livro também tem partes quentíssimas de sexo explícito. A mocinha é traumatizada com sexo e achava que era fria que nem gelo, mas junto com Hank protagonizou cenas de fazer o cabaré pegar fogo. É engraçado que todas as mocinhas da série eram virgens. Cassie também, mas no caso dela, perdeu a virgindade com o dedo dele UAUU

Ela estava tão molhada que foi fácil introduzir a cabeça, mas tão apertada que foi praticamente impossível avançar mais um centímetro adiante dentro dela. Hank tirou seu pau e desceu sua mão metendo um dedo dentro dela e convocando sua magia. Ela tinha fortes contrações de suas sucessivas convulsões orgásticas ganhas com sua boca. Meteu seu dedo e avançou suavemente dentro de Cassie, sentindo sua contrações apertá-lo até deixá-lo louco, quando chegou à sua barreira virginal, concentrou todo o seu poder curativo no seu corpo e a rompeu abrindo seu caminho e curando o pequeno rasgo.Tirou seu dedo e pegou seu pênis introduzindo-o nela suavemente, tentando lhe dar tempo para que se acostumasse ao seu tamanho.

Outro diferencial é que Hank além de lobo é uma espécie de xamã, ele tem poderes curativos, por isso que "curou" qualquer ferimento que a penetração causou na mocinha. Herdou esse poder da avó jamaicana.
Hank é o mocinho mais próximo de ser negro que já vi (poxa, cadê os livros com personagens negros?). Ele é descrito como um cara mto grande (como todos os weremindful), tem cabelos longos que usa trançados, olhos verdes e pele café com leite e usa barba.

Pensei no Jason Momoa... o mocinho não tem cabelo rastafári, nem crespo, mas na descrição diz que lembra um rasta



Já a descrição de Cassie bate perfeitamente com essa atriz, lembra uma índia, com pele morena e cabelos negros com franja.


Esse é o ponto positivo da série, você nunca sabe o que esperar sobre a aparência dos personagens, acho isso bastante legal.


BAIXA AQUI




domingo, 23 de novembro de 2014

LIVRO HOT - Série Weremindful 3 - A Busca (Castalia Cabott)

Atenção: LIVRO HOT (esse livro contém cenas de sexo explícita, apelativas. Se não gosta, não leia o post.)




Resumo

            Ty Brunet tem dedicado a sua vida ao serviço da Lei, procurando o único que sempre lhe foi negada: encontrar os assassinos de seus pais e justiça. Não existia outra coisa em sua vida. Até que a conheceu. Ela não era o tipo de mulher que o atraia. Preferia as mais altas, morenas, de longas pernas e boca ampla.
            Jane Monroy sempre esteve sozinha. Uma jovem e brilhante médica que havia ficado no Alaska porque acreditava que ali ninguém iria procurar por ela. Como médica a vida de seus pacientes era o único que tinha importância e se devia acompanhá-los em situações difíceis, o faria. Com Summer e Keiji tentando lhe encontrar um parceiro, acreditava que não tinha muito mais opções do que acabar com um polvo necessitado.
            Até que esse homem entrou no hospital levando um paciente. Ty Brunet lhe interessava, mas não pelos motivos românticos. Talvez esse homem lhe desses o seu primeiro Premio Nobel.
Agora ela tentaria curá-lo e ele se afastaria dessa pequena ruiva.
            Eles estavam destinados a se encontrar sem saber que se haviam procurado a vida 


Temas: HOT, Sobrenatural,Armados, Médicos

Olá, meninas, esse é o 3º livro da série Weremindful. O casal principal é Ty e Jane e os casais dos primeiros livros tem um papel importantíssimo, Wolff e Summer e Chipp e Keiji.

Ty é um weremindful moreno, gigante de 38 anos que trabalha para o FBI. Ele foi criado com o Chipp Rummers e seu maior objetivo é achar o assassino de seus pais.

Jane é uma médica de 27 anos que aparenta ser adolescente (que exagero, gente!). Ela é ruiva, tem longos cabelos cacheados, olhos azuis e é bem pequenina.

Os dois se conheceram através de Summer e Keiji, que viraram as casamenteiras da história. O diferencial desse livro é que nos outros os mocinhos ficam fascinados pela beleza das amadas desde o primeiro encontro, mas Ty só botava defeito na coitada. Sim, ele a achou linda. Mas preferia morenas altas, de pernas longas e boca larga pra fazer um bom oral. Que safado!!!!

“Sua companheira?” Por Deus ela nem sequer se parecia com as mulheres que o agradavam: altas, morenas, curvilíneas, de bocas generosas e com bastante carne onde agarrar-se. E a força suficiente para suportar a maneira que gostava de fazer sexo. 

Mesmo ela não sendo seu tipo, de cara ele sentiu a imensa atração: aquilo que acontece quando o lobo se depara com sua companheira...fica excitado, peludo, com unhas grandes e caninos salientes. A partir daí ele se esqueceu de todas as morenas. 

Como em todo livro da série, sempre tem um drama. O drama deles não era tráfico de mulheres como nos outros. O drama deles é a busca pelo assassinado dos pais dele, e eles descobrem que o assassino era o pai dela.Assim como nos outros, há ação, sangue, assassinato, mas acima de tudo, bastante sexo.

A fórmula é a mesma dos outros...mocinho 24h por dia excitado, o Nehann, e muito sexo em todo lugar. Ele também curte a posição de 4 e a mocinha era virgem (assim como Summer e Keiji). Muito parecido com os outros...O que tem de diferente é que ele a apelidou de Chapeuzinho ( do conto de fada) por causa do cabelo ruivo, achei mto fofo ele chamando ela assim e de Chapeuzinho de bolso. Outra coisa nova em relação aos outros, é que esse lobinho safado se masturba só de olhar a lingerie dela!

Achei esse livrinho repetitivo, mas era isso o que esperava da série. Ahhh, achei ridículo a mocinha ter se casado com vestido de noiva tradicional e um capuz vermelho kkkkk momento vergonha alheia

 Bem, o Ty me lembra o Jason Momoa, porque é descrito como um cara moreno, de olhos escuros (ok, sei que o Jason tem olhos mais claros), cabelos compridos e uma cicatriz que divide a sobrancelha, exatamente igual ao Jason:


E a mocinha, essa atriz com esse zoião azul.



BAIXA AQUI